Mudança


Luan e Júlio carregando o minha estante pelas ruas riograndinas, agora ela vai ocupar a casa do Júlio

     Se eu deixar que meus sonhos antigos se tornem besteiras, então isso só pode ser um nítido sinal de envelhecimento. Pouso o lápis na escrivaninha e fito a janela de infindáveis vidas que me espreitam. A vida muda, os tempos mudam e os desejos também. Mas talvez se olhar para trás e ver que tem muitas coisas ficando porque é mais confortável seguir assim, algo está errado. Está certo, tenho o conforto, a casa, a televisão, mas o que de tudo isso me vale frente a vida que se desdobra?
    Hoje meus amigos carregaram a estante, o sofá, estou emprestando os pedaços da minha casa para ocupar outros lares. Olho para o apartamento mais vazio, mas lembro dos sorrisos, penso que alguém vai lavar roupas na máquina de lavar, e eu vou lavar a minha roupa em outros lugares. Me conformo ao sentar cansada depois de empacotar várias caixas e ter que estudar para uma prova. A vida é dinâmica, penso. Divido os livros, a impressora, o rádio.
    Simplesmente não posso continuar com tudo tão bem organizado para seguir a ordem por seguir. Porque a vida tem os seus dissabores, e até um dedo cortado vem preencher a minha noite e o meu apartamento vazio.  Mas na balança vamos equilibrando as coisas boas e ruins, deixando pesar mais as coisas boas. Por isso a bagunça, as malas, as caixas, e a sensação inevitável de “estou esquecendo alguma coisa”. Aliás, estou esquecendo vários pedaços de mim, me reinventando.
    Bom, muitos falam “que loucura”, mas perdoem-me os normais, acho que enlouqueci para não seguir o caminho mais acertado. Está feito então, vou organizando uma pequena mochila, um notebook, alguns kgs de erva-mate (para o chimarrão me acompanhar nas noites solitas), um caderno peruano que ganhei de presente para anotações e as minhas vivências que frente a esse mundão parecem um quê de nada. Mas é preciso partir.

Voam abraços,

Mayara Floss

[Mayara Floss publica na Rua Balsa das 10 às 4as-feiras]

As mais vistas