DOR

Ernande Valentin do Prado

1.
 Vi Ravi Lacerda em abril despedaçado, depois em caminho das nuvens.
Era ótimo.
Agora vi nas noticias policiais.
2.
Eu queria parar. Juro.
Já tentei várias vezes.
Sei lá! Acho que nasci amaldiçoado.
3.
Ajoelha.
Ajoelha.
Ou não vai ganhar um copo de cerveja.
4.
- Não tem um carro, uma casa que possa vender para pagar a cirurgia?
- Não.
- Então não tem jeito, vai ter que esperar na fila.
5.


6.
Você vai assim?
Vou, por quê?
Acho que não vão te deixar entrar com esta roupa.
7.
Ele me bateu hoje, ontem, todo dia.
Por que não vai embora?
E pra onde iria?
8.
Você me ama quanto?
Não dá pra contar isso.
Então vai ter que fazer o que eu mando.
9.
Posso falar com você?
Pode...
Eu vou para Ribeirópolis. A passagem custa 14 reais...
10.



[Ernande Valentin do Prado publica na Rua Balsa das 10 às 6tas-feiras]

Comentários

As mais vistas