Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Sonhos e oxigênio

"Se cada dia cai,  dentro de cada noite, há um poço onde a claridade está presa.
Há que sentar-se na beira do poço da sombra e pescar luz caída com paciência." Pablo Neruda
- E você tem ainda algum sonho? - Pergunto para a paciente com oxigênio e muita dificuldade para respirar.
- Sonho, sonho eu não tenho… - ela diz.
- Hmmmmm… - espero nas reticências e ela responde:
- Eu queria até procurar um namorado, mas eu assim desse jeito não vai dar. - e aponta para o os tubos do nariz com um riso largo e risada alto, apoiando-se com as duas mãos no sofá e caindo a saturação de oxigênio.

Não importa, ri da sua doença, ri para a vida, na transcendências dos caninhos e caminhos do tubo de oxigênio.

Abraços que pousam, Mayara Floss

Últimas postagens

REDEMOINHO

Sangrando

AZUL

8 CUIDADA - DEZ HISTÓRIAS SOBRE A INTERNAÇÃO DA MENINA DE OLHOS AMARELOS

CALDO DE FEIJÃO

TODOS SURDOS

Conhecer o mar

O RELOJOEIRO

7 COMUNICAÇÃO PERFEITA - DEZ HISTÓRIAS SOBRE A INTERNAÇÃO DA MENINA DE OLHOS AMARELOS

Lost in translation

TODAS AS CANÇÕES DE NINAR